Reciclagem rima com bricolagem

12

contato@umbrinco.com

casacustomizadaA máxima de Lavoisier “nada se cria, tudo se transforma” está mais em alta do que nunca. Na esteira da sustentabilidade, o céu é o limite para a reciclagem, que surge com força total na decoração. E tudo isso promove um deslocamento do conceito de morar. Uma das mudanças é que os ready made dividem o espaço com o artesanato e a bricolagem (faça-você-mesmo).

Quem prefere comprar pronto encontra uma infinidade de produtos fabricados com materiais reciclados no mercado. Designers e comerciantes já detectaram a tendência e desenvolvem artigos de primeira, com reutilização de matéria-prima. Nas mostras de decoração, a reciclagem foi predominante, com soluções para reaproveitamento de água, madeiras de demolição etc. É impressionante a quantidade de idéias criativas que surgem a partir desse estímulo.

mulherpintora2Mas, quando nós mesmas podemos fazer, tem um sabor especial. Pelo menos para quem gosta e leva jeito. Primeiro, porque é um exercício de criatividade e uma forma de expressão. Depois, faz um bem enorme ao espírito e ajuda a descarregar o estresse. Em terceiro lugar, quando o resultado é lindo e teve um custo super baixo, a satisfação é enorme. Ver nossa casa com uma decoração customizada é um barato! Além disso, essa tendência significa mais liberdade na hora de decorar. Antes, só o que era “comprado” tinha valor. Agora, o que nós fazemos também tem.

Podemos nos inspirar em vários exemplos como esse painel de azulejos desenhado pelo artista plástico Elcio Torres. Fez toda a diferença na parede deste banheiro, projetado pela arquiteta Fernanda Dabbur.

Foto1

E este executado pela Adonai Construções.

Foto2

Na Casa Cor 2009 uma parte da parede da Tabacaria foi revestida com caixas de charutos por Adriana e Gisele Falcão.

Foto3

Na Morar Mais por Menos, paredes foram revestidas com páginas de dicionário antigo e de revista, com efeitos surpreendentes.

Foto4

Estúdio da Casa por Giovanna Eirado e Francisco
Palmeiro - Casa Cor 2009

Foto5

Corredor da Casa Cor 2009

Podemos  enfeitar a cúpula de um abajur com diversos materiais reutilizados como botões e rendas . Este abaixo foi customizado com broches antigos. A cúpula precisa ser de tecido para receber as alfinetadas sem se danificar.

Foto6

Sabe aquelas louças antigas, como vasos, xícaras e pires que sempre herdamos da mãe ou da avó? Podem ter novos usos e tornar o ambiente mais gracioso e moderno. Uma jarra de cerâmica, por exemplo, pode se transformar em um lindo vaso de flores.

Foto7

Um prato de bolo pode virar apoio para perfumes na bancada do banheiro. O máximo!

Foto8

Esse abajur feito com pratos, xícaras, pires e bules esteve à mostra na Loja Ponto de Encontro da Morar Mais por Menos.

Foto9

A artista plástica Ana Moraes, descobriu este cesto, usado em pescaria, na Ceagesp (Central de Abastecimento de São Paulo), e transformou num porta papel  higiênico descolado. Só não ficou legal perdurá-lo na torneira. Podia prendê-lo na parede de forma mais caprichada.

FotoCesto

Repare no detalhe delicado deste pufezinho revestido de renda embaixo da mesinha de cabeceira. Foi desenvolvido pelo Floresta Mobile, um projeto que recicla restos de madeiras e outros materiais.

Foto11

Caixote então, é o fino da bossa. Há muitas formas de reutilizá-lo. Este pintado de rosa passou por uma reciclagem fashion para ser usado como estante pela florista paulistana Helena Lunardelli. A parede foi pintada da mesma cor (ou vice-versa).

Foto12

No ambiente projetado por Fábio Galeazzo da Casa Cor São Paulo, as cadeiras de época descartadas ganharam vida por meio da pintura colorida e de um novo revestimento.

Foto14

A designer Isabela Saramago utilizou, em parceria com Nastassja Saramago, molas de caminhão para criar a base das mesas da Loja do Chocolate, dos arquitetos Fernanda Mancini e Anderson Macedo, na Casa Cor.

Foto15

Essa criação de Barbara Wisnoski nos mostra que podemos ter estilo reaproveitando pedacinhos de tecidos descartados.

Foto16

Foto16a

E as escadas? São um capítulo à parte. No espaço Estudo da Casa, da Morar Mais por Menos, os arquitetos Francisco Palmeiro e Giovanna Eirado transformram escadas velhas de madeira em divertidas estantes, de cabeça para baixo.

Foto17

Já Márcia Malta Müller usou uma como um inusitado enfeite de parede no Estúdio Sustentável da Casa Cor.

Foto18

Quem tem habilidade para pachwork pode reciclar tecidos em roupa de cama, almofadas, quadros, sofás…Vejam esse recamier do Corredor da Fama da Morar Mais por Menos feito com sobras de tecidos de decoração. Ficou moderno e charmoso!

Foto19

E também esse quadro para quarto de criança, da Loja Ponto de Encontro, da Morar Mais por Menos.

Foto21

E como já é Natal, que tal fazer uma árove reciclada?

“As idéias estão no chão”, como diz a música dos Titãs. Nós diríamos na rede. Vejam a seleção que fizemos com algumas possibilidades.

Com fuxico:

arvorenatal1

De tecido:

arvorenatal2

De trecos e de retalhos:

arvorenatal3

De papel e de fitas:

arvoredepapel

Como colar papel na parede

Dicas da designer Cris Turek

Material:

  • Jornal, revista, gibi, páginas de livros etc
  • Cola branca Cascorez azul diluída em água na proporção de duas medidas de cola para uma de água
  • Rolo para passar a cola na parede
  • Escova para alisar o jornal (pode ser uma escova macia de roupa)
  • Espátula para cortar os arremates
  • Estilete

Modo de fazer:

  • Em primeiro lugar é preciso limpar bem a parede. Para isso, lave-a com uma solução de uma medida de água com uma medida de água sanitária. Espere secar.
  • Passe com o rolo a cola diluída na parede. Faça uma pequena parte de cada vez para a cola não secar antes do tempo.
  • Posicione cuidadosamente o jornal e alise primeiro com as mãos do centro para fora para tirar alguma bolha maior que tenha se formado.
  • Depois alise novamente com a escova para retirar as bolhas pequenas que porventura ainda estejam lá. Tenha cuidado para não rasgar o papel.
  • Para dar o acabamento no rodapé e perto de portas e janelas, use a espátula como apoio para o estilete.
  • Depois que a colagem estiver seca, passe com o rolinho uma camada da mesma cola diluída usada para aderir o jornal. Ela servirá de impermeabilizante e dará um leve brilho. Pode usar também verniz à base de água para o jornal não amarelar com o tempo.
  • No post Parede de coador de café, que publicamos recentemente, o arquiteto Tony Litzs também ensina um método.

Como colar tecido na parede

Pode se aplicado com cola branca Cascorez Extra e uma camada de verniz naval sobre o tecido depois que a cola estiver seca. É muito importante alisar bem para não ficar enrugado.

Share.

About Author

12 Comentários

  1. Hey there, You’ve done a great job. I’ll certainly digg it and personally recommend
    to my friends. I am confident they’ll be benefited from this website.

  2. Hello, every time i used to check webpage posts here in the early hours in the daylight,
    as i love to find out more and more.

  3. March 3, 2011 at 8:34 pmSrini, you have done a GREAT job! Well done! Really solid presence and good speaking. Definitely a honed skill that you have mastered.Very natural!Sam Reply

  4. ….miss pilastri ….caro simone, giornataccia oggi in studio…..meno male che ci sei tu a tirarmi su il morale con la signora dei pilastri!!!!!!!! rido ancora……semplicemente fantastica……buon week end cari colleghi, un abbraccio a tutti…alex

  5. Our site is compliant with the most recent world wide web security standards and we take your privacy and security extremely seriously.

  6. What’s up, this weekend is good for me, for the reason that this occasion i am
    reading this wonderful educational piece of writing here at my residence.

  7. Good way of explaining, and nice post to obtain information about my presentation focus, which i am going
    to deliver in university.

  8. Hey there! I know this is kind of off-topic however I needed to ask. Does running a well-established blog like yours require a lot of work? I am completely new to blogging however I do write in my diary daily. I’d like to start a blog so I can share my personal experience and views online. Please let me know if you have any kind of ideas or tips for new aspiring blog owners. Thankyou!

  9. Time is money so going with a professional marketer that is sure
    about precisely how this digital space works as opposed to blowing vital months
    and months and ending with no progress regarding online reputation management.

  10. I do believe all the concepts you have offered on your post. They are very convincing and can certainly work. Still, the posts are too short for newbies. May you please prolong them a little from next time? Thank you for the post.

Leave A Reply