Karim Rashid: o supra sumo do design contemporâneo

404
imagem

Flanar pelo design de Karim Rashid é mergulhar deliciosamente no universo contemporaneo! Em seu trabalho encontramos todas as tendências do mundo atual: fluidez, linhas orgânicas, cores, personalidade, simplicidade com elegância, humor, multifuncionalidade, sentido lúdico, conforto, tecnologia de ponta…Enfim, uma síntese de tudo isso junto e misturado.

002

Kivas Metal Modular Couch, 2010

KX-IKONS2007

KX-Ikons, 2007

BabyBiteStool2009

Puf-banco de encaixe Baby Bite Stool, 2009

KandorChair2009

Kandor Chair, 2009

BladeTable2007

Blade Table, 2007

FlapTable20061 FlapTable2006

Flap Table, 2006 (mesa que aumenta de tamanho)

Bokka Lamp, 2006

Bokka Lamp, 2006

Nascido no Cairo, criado no Canadá e morando em Nova York, Rashid é um dos maiores designers da atualidade. Seus mais de 3.000 projetos em produção, cerca de 300 prêmios e o trabalho em mais de 35 países atestam o valor dessa lenda viva.

Blob Lamp, 2002

Luminária Blob Lamp (não seria o Pão de Açúcar?)

DiskChair2006a

Disk Chair, 2006

FlyChair

Fly Chair

KurveChair2000

Kurve Chair, 2000

MatrixSofaSystem2009

Matrix Sofa System, 2009

Plasmatik2005

Plasmatik, 2005

O que define Rashid, além de outros designers, no entanto, é que ele acha que o projeto de alta qualidade deve estar disponível para as massas.  Com uma gigantesca lista de clientes de alto nível, que inclui marcas como as italianas Alessi, Edra, Cappeli e Memphis, você provavelmente já usou um de seus projetos, mesmo sem conhecê-lo.

GlowBed2009

Glow Bed 2009

Esteticamente, os trabalhos de Rashid são normalmente fluidos e orgânicos, como a Cadeira Oh feita para a Umbra (Canadá).

OhChairUmbra1999

Oh Chair , 1999

Deliciosa para se sentar e ainda mais deliciosa de se olhar. Rashid é o mestre da substância. Tem predileção pelo plástico. Como um escultor, dobra e estica seus materiais para criar formas inusitadas de cair o queixo. Foi um dos primeiros a usar novas tecnologias e materiais, como o polipropileno. Seus premiados projetos incluem objetos democráticos, tais como o Resíduos Garbo.

RediduosGarbo

Residuos Garbo (lixeira)

Em seu manifesto, diz que “hoje o projeto poético do design é baseado em uma infinidade de critérios complexos: experiência humana, comportamento social, global, questões econômicas e políticas, a interação física e mental, a visão de forma e rigorosa compreensão do desejo na cultura contemporânea. A indústria transformadora é baseada em outro grupo de critérios: investimento de capital, quota de mercado, facilidade de produção, difusão, crescimento, distribuição, manutenção, serviços, desempenho, qualidade, questões ecológicas e de sustentabilidade”. Para ele, a combinação desses fatores forma os objetos e a  cultura visual contemporânea.

KaveTable2009

Kave Table, 2009

QuadroTable2007

Quadro Table, 2007 (mesa dobrável)
Klip2005
Klip, 2005

HotDogCouch2010

Hot Dog Couch, 2010

VertexChairs2010

Vertex Chairs, 2010

Lotus2005

Lotus, 2005 (cristaleira)
VeuveClicquotLoveseat2006
Veuve Clicquot Loveseat, 2006

TalentiKivasChair2010

Talenti Kivas Chair, 2010

Half Ego, 2003

Vaso Ego, 2003

KoupleBath2008

Kouple Bath, 2008

TVTub2009

TV Tub, 2009

Isola Chair, 2009

“Agora, o design não é sobre a resolução de problemas, mas sobre um embelezamento rigoroso dos nossos ambientes construídos. O projeto é sobre a melhoria de nossa vida no sentido poético, estético, experimental, sensorial e emocional”, completa o designer. Genial! Com apenas uma peça de Rashid na decoração é possível surpreender o mais insensível dos mortais!

Poderá gostar também de:

PoderaGostarTambemDispensa PoderaGostar2FakeLiberado PoderaGostar2a

Share.

About Author