Organização de escritório de estilista no Leblon

3

*

Vamos combinar que atelier e alguns tipos de escritórios não tem como ficar 100% organizados. Afinal, o trabalho de criação envolve uma certa bagunça. Mas quando a estilista de uma grife bastante conhecida chamou a Um Brinco, ela não estava mais conseguindo se encontrar no escritório. Pudera! Como achar uma revista ou um catálogo nesta desordem?

 

100_7229

Para organizar, a primeira ação foi separar tudo por categorias: revistas, catálogos, mostruários, editoriais, coleções antigas, campanhas, lookboks, estudos de tendências, clipping etc. Na segunda etapa, cada categoria foi organizada por título e data. Separamos o que era do ano corrente do que era dos anos anteriores (sim, porque a moda volta).

Ela possuía uma vasta coleção de revistas de moda, fundamentais para seu trabalho. As publicações se encontravam empilhadas e misturadas. Depois de separarmos por títulos, países e datas, organizamos-as em porta-revistas transparentes simples comprados na Casa Cruz.

PortaRevistaAcrimed

*

Agora ela encontra o que precisa com facilidade e pega cada uma das revistas sem desorganizar as outras.  Isso significa que ganhou tempo, alem de não fazer mais esforço para levantar as pilhas quando tinha que pegar as que ficavam embaixo.
*

depois2

DEPOIS

*

Repare que os porta-revistas ficam praticamente invisíveis e têm a função de ancorar as publicações verticalmente.

*

100_7226

ANTES

*

Depois100_7240

DEPOIS

*

100_7228

ANTES

*

depois4

DEPOIS

*

100_7229

ANTES

*

depois5

DEPOIS

*

100_7230

ANTES

*

Depois100_7237

DEPOIS

*

antes2

ANTES

*

depois1

DEPOIS

*

100_7225

ANTES

*

*

Depois3

DEPOIS

*

Depois100_7256

DEPOIS

*

Depois100_7223

DEPOIS

*

TopBlog2

Share.

About Author

Este blog é de autoria da decoradora, organizadora de interiores, consultora em decoração e organização, Veronica Fraga, que também é fotógrafa, jornalista e colunista da Revista Rio Arquitetura e Design. Uma pessoa multifacetada e apaixonada por tudo o que é ligado a estética.

3 Comentários

  1. There seems to be no middle ground when meeting someone you look up to. You are either elated with them or totally grossed out. It’s the same with popular musicians. I’ve met some like the members of Delirious and old school Big Tent Revival, and found out that i liked them more. There have been many more, unfortunately, that just gave me the willies. Excuse me, wiies, Adam.I would like to point out that I am elated with Jonalyn and yourself.Tyer, ha

Leave A Reply